PRÓTESE DENTÁRIA

Existem diversos tipos de próteses dentarias são elas unitárias(um único dente) ou múltiplas (vários dentes), podem ser confeccionadas por materiais acrílicos, que são as resinas, metálicos e materiais vitrificados conhecidos como porcelanas; as próteses servem para devolver a estética e a função mastigatória.

Alguns tipos de próteses dentárias

Blocos protéticos:São próteses unitárias parciais, onde apenas uma parte do dente, a comprometida, é reabilitada, são chamados blocos onlay e inlay. Podem ser confeccionados em material estético (resina ou porcelana) ou material metálico.

Facetas Laminadas: são próteses colocadas na região anterior(frente) do dente, chamadas de região vestibular, por se tratar exclusivamente de próteses que envolvem o sorriso, são confeccionadas por resinas ou porcelanas e não possuem base metálica.

Próteses unitárias: podem ser em resinas ou porcelana, com ou sem base metálica, a base metálica não quer dizer que o metal fique aparente e seja antiestético, nesses casos o metal serve como base para receber o material estético (resina ou porcelana). O custo das próteses deste tipo são diversos dependendo da qualidade do material usado, por isso é um equivoco dizer que um material seja mais caro que o outro. Há ainda as próteses metálicas, elas são confeccionadas totalmente em metal(ouro, cromo-cobalto, níquel-cromo,entre outras).

Próteses múltiplas: podem ser fixas ou móveis, as próteses fixas com três ou mais elementos(ponte fixa), como as próteses unitárias, podem ser também confeccionadas em resinas ou porcelanas com ou sem base metálica.

Prótese totais: São as conhecidas popularmente como dentaduras, são chamadas de totais por reabilitar a região da maxila(superior) ou da mandíbula(inferior) na sua totalidade. São confeccionadas em material acrílicos; estas próteses tem sua diferenciação ligada diretamente na qualidade dos dentes industrializados usados em sua confecção e nas caracterizações realizadas na peça.

Próteses acrílicas parciais: segue o mesmo padrão das PTs (próteses totais), mas com características mais simples, sendo usadas na falta de um ou mais elementos dentários, na maioria das vezes como próteses provisórias, são as chamadas popularmente como perereca.

Próteses Parciais Removíveis: conhecidas como PPR, é uma armação metálica com grampos de retenção, esses grampos podem ser metálicos ou acrílicos e promovem a retenção da prótese na boca através dos dentes. Esse tipo de prótese é utilizado de forma definitiva não ocasionando maiores problemas dentais.

Próteses Sobre Implantes: são próteses presas aos implantes ósseo integrados(ver implantes ósseo integrado) através de conexões especiais que são determinadas pelo tipo de implante, cada implante tem sua conexão produzida por seu fabricante. As próteses sobre implantes podem ser unitárias, múltiplas ou protocolo, o protocolo é uma prótese presa a vários implantes, é utilizado quando há a falta de todos os elementos de uma arcada dentária, e em suas conexões protéticas é feito uma prensagem em acrílico, as próteses sobre implantes poderão ser parafusada ou cimentada.
Uma outra prótese sobre implante muito utilizada é a chamada over denture (sobre dentadura), é uma prótese total presa por conexões de encaixe, barra clipe ou oring(botão); ela é indicada em casos de falta de estabilidade da prótese na boca, muito comum na região de mandíbula(inferior).

Rua Padre Marchetti,585 - Ipiranga - SP - São Paulo
Tel:0(XX)11 5051-3149 | atendimento@presseo.com.br